terça-feira, maio 30, 2006

O quão mal alguém íntimo nos pode conhecer

Chega o Verão e tenho, à partida, um problema. Se gosto de roupa fresquinha, gosto pouco de sapatos com o mesmo efeito. Botas ou sapatilhas. Sempre. Não podendo usar sapatilhas no trabalho (acho que dá aquele ar de tou-me a cagar), tenho forçosamente de usar botas durante o tempo quente. Atenção, isto não me choca, nem angustia. Ao fim ao cabo, é assim que me sinto, não bem, mas melhor. O que me aflige de forma moderada é a dificuldade em enc0ntrar o meu tipo de calçado, nesta altura do ano.
Pedi, então, à minha mãe para me trazer da sapataria de confiança da família botas de Verão para eu escolher. De forma redundante - pensava eu - disse-lhe: "já sabes, preto, castanho ou azul escuro, minimalistas, saltos altos". Hoje cheguei a casa e tinha 2 pares de botas para ver e experimentar: um de salto quase raso azul bébé e o outro cor-de-rosa, com um bocadinho de salto. A minha cara. De resto, repetindo-me, sempre foi assim.

2 comments:

Anonymous Anónimo said...

Really amazing! Useful information. All the best.
»

08 junho, 2006 14:46  
Anonymous Anónimo said...

Hallo I absolutely adore your site. You have beautiful graphics I have ever seen.
»

22 julho, 2006 15:48  

Enviar um comentário

<< Home