sexta-feira, dezembro 09, 2005

Tudo sobre o que sente uma dona de uma gata com o cio

Positivo. A Mongas está com o cio.
Já não sei se ela mia ou uiva... não sei se ela se roça ou se cola ao chão... se é um felino ou uma contorcionista de circo. Há momentos em que me dá ideia que há um fio imaginário a puxar-lhe o rabo e a sua pseudo-anca para cima.
Há um certo desespero nela. Como se esperasse por uma coisa que ela não sabe bem o que é, mas que existe certamente. É mesmo assim.
Acho que se o mundo inteiro a pudesse ver, a maioria gozaria com ela. Sinto-me como a mãe que vê o seu filho a ser rasteirado. Ou talvez esteja só a dramatizar.
Às vezes, parece que isto de ter cio é doloroso. Mas eu também não me lembro de no meu tempo doer*.

Dá-lhe a pílula. Não a deixes sair de casa. Dá-lhe daquelas injecções que têm efeito de um ano. Elas ficam malucas nestas alturas. Se vai para a rua, pimbas. A gata miou toda a noite. Vai andar assim pelo menos 2 semanas...

Tamanho deja vu. O gato é só deixar ir à rua, não é?
* mas isso pode ser apenas mais uma consequência da menopausa do engate. Falta de memória - que dizes, Dri?

4 comments:

Blogger Adriana said...

"no meu tempo" isso deu-me uma imagem fantástica do BA :D

09 dezembro, 2005 23:14  
Blogger Diana said...

Isto é para me ir mentalizando. Tu sabes.

09 dezembro, 2005 23:15  
Blogger Adriana said...

Em relação ao asterisco: eu ouvi dizer que o pós-menopausa até pode ter as suas vantagens, falta saber s o mm s passa c a menopausa do engate...

09 dezembro, 2005 23:24  
Blogger Capitao America said...

Injecções parece bem..

12 dezembro, 2005 10:48  

Enviar um comentário

<< Home