sábado, outubro 08, 2005

Quanto custa existir activamente na Blogosfera?

Estou, momentaneamente, fechada para balanço... no que diz respeito à minha participação na Blogosfera. Tenciono ignorar a vandalização feita ao Desenho, no mesmo sentido em que pretendo auto-exorcizar-me do que tenho visto por este pequeno universo fora.

Os resultados desta introspecção-à-falta-de-melhor não vão sair cá para fora, por puro capricho... de qualquer forma, fiquem com a principal ideia concebida à priori do balanço pretendido:

  • é incrível como um blog pode "revelar" pessoas que já conhecíamos, oferecendo-nos um lugar privilegiado de observação de egos.

Começo a sentir o peso de ter um blog. Cada vez que não estou ao computador e penso "tenho de me lembrar de qualquer coisa para pôr no blog", provo um pouco da mediocridade da minha vida. Penso que, daqui a alguns anos, proclamar-se-á a emergência de uma nova pré-especialidade do meu curso. Nessa altura, espero já me ter assumido como doente, como animal associal, e, nessa condição, já não me sentir mal com auto-apreciações sobre a qualidade da minha vida. É que os anti-corpos para este mal não aparecem de um dia para o outro.

O Balanço vai durar, possivelmente, o tempo que resta a esta noite.

9 comments:

Anonymous Anónimo said...

How Many Feeds Really Matter: Part 2
Today at Web 2.0, Jim Lanzone, Senior Vice President of Search Properties at Ask Jeeves, updated his "What Feeds Matter" blog post from July using some new numbers obtained by mining the Bloglines database.
You have a great blog here! I'm definitely going to bookmark you!

I have a ##advertising## site/blog. It pretty much covers ##advertising## related stuff.

Come and check it out if you get time :-)

08 outubro, 2005 03:47  
Anonymous A said...

uma das coisas que me meteu mais impressão desde que cá ando, foi uma vez ter ouvido alguém dizer "'uma pessoa qualquer' escreveu um post sobre isso" nao tendo dito mais nada. eu achei muito esquisito falar de algo, que para mim apenas devia tem lugar "na internet", ainda por cima sem ter dado qualquer continuação ao comentério. já me aconteceram outras situações semeelhantes, e ultimamente tenho visto que tenho feito o mesmo. falo do blog como se de algo real se tratasse, como se existisse fora da internet (nao sei se me faço entender)
passo muitas vezes por aquilo que referiste "tenho de me lembrar de qualquer coisa para pôr no blog" e sinto-me ridiculo...

em resumo, a blogoesfera estragou-me :p

08 outubro, 2005 11:58  
Blogger Diana said...

Estragou-NOS. E acho que bem sabes o que penso sobre desgraças colectivas -> VOL

08 outubro, 2005 15:04  
Blogger Adriana said...

eu não concordo nada com isso...

08 outubro, 2005 16:36  
Blogger Diana said...

Esse boicote ao meu post é facilmente explicável: ninguém me tira da cabeça que tu és o número dois da máfia da internet...

08 outubro, 2005 16:42  
Blogger Adriana said...

O boicote é ao post e aos comentarios. Vocês é k s uns grandes florzinhas! :P

E isso de ser a numero 2 (repara bem no artigo definido), nao tou a ver problema nenhum, desde que o salário seja bom!

08 outubro, 2005 16:55  
Anonymous A said...

na viagem de 3 horas para casa tive muito tempo para pensar no que escrevi aqui, ainda ensonado.
resumindo, arrependi-me de ter sido tão dramático :p

08 outubro, 2005 17:36  
Blogger Diana said...

Dramatizar é bom, vá lá!!!

08 outubro, 2005 17:42  
Blogger Capitao America said...

Visão profunda mas resumida das vossas vidas: Voçês dormem muito pouco.

10 outubro, 2005 09:48  

Enviar um comentário

<< Home